Transição no Triathlon - Uma T1 bem feita!

Apesar de parecer que você ganha apenas alguns segundos, uma transição entre natação e a bike (T1) bem feita pode te posicionar muito bem para o ciclismo e fazer toda a diferença nas provas.


A atleta olímpica @luisabaptistad traz preciosas para duas das principais ações desse momento: MONTAR NA BICICLETA E CALÇAR A SAPATILHA.


••• O MONTE:

ϟ Praticar!!! Realize sessões apenas de monte e desmonte. Sair com a sapatilha na bike em todo treino de ciclismo também ajuda a praticar mais vezes.


ϟ Coragem para se jogar! Cair faz parte do processo. A boa notícia é que do chão nunca irá passar! No final, fazer o monte acaba se tornando algo mais automático!


ϟ Escolher o melhor momento para realizar o monte na prova: tem curva antes ou depois do monte? Tem mais gente perto de você? Essa decisão você deve tomar de acordo com a prova.


ϟ Conduzir a bike segurando pelo selim pela transição e antes do monte a segurar no guidão, dando alguns passos para realizar o monte com velocidade.


••• A SAPATILHA:

ϟ Escolher uma sapatilha específica para o triathlon com boa abertura para facilitar a entrada do pé.


ϟ Prender a sapatilha em algum ponto da bicicleta para que fique parada e reta.


ϟ Passar talco na sapatilha facilita a entrada do pé.


ϟ Pedalar até atingir uma velocidade ideal e só depois calçar e fechar a sapatilha.


ϟ NUNCA calce a sapatilha em subidas! Dê preferência pelas descidas nas quais você pode parar de pedalar!



71 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo